sábado, 23 de abril de 2016

Abrantes

O encontro de hoje prometia ser muito bom. A chegada pela manhã serviu para rever amigos, passar os olhos pela excelente exposição de diários gráficos no edifício da biblioteca (surpreendente).
Fomos muito bem recebidos. Senti-me em casa. Não conhecia Abrantes e foi uma surpresa extraordinária. Posso afirmar que não conhecer Abrantes é uma falha grave, não só para desenhadores, como para qualquer cidadão. Cada rua é uma descoberta e quando achamos que já vimos tudo há mais outras tantas coisas para descobrir. Podia passar um mês a desenhar ali. Hoje fiz só alguns mas hei-de voltar em breve.


2 comentários: